Sábado, 24 de fevereiro de 201824/2/2018
43 3037-1240
Parcialmente nublado
17º
18º
28º
Londrina - PR
Erro ao processar!
Sorria Contra o Câncer
PETIÇÕES
Parem de apoiar os matadores de Mianmar / Assine a petição
Depois que os membros da Avaaz pressionaram diretamente o Ministro de Relações Exteriores, o governo do Reino Unido acabou de anunciar a suspensão do apoio aos militares de Mianmar.
Marcio Demari Londrina - PR
Postada em 18/10/2017 ás 12h30 - atualizada em 22/10/2017 ás 16h58
Parem de apoiar os matadores de Mianmar / Assine a petição

É doentio. Eles estão decapitando até mesmo as crianças.


Depois que os membros da Avaaz pressionaram diretamente o Ministro de Relações Exteriores, o governo do Reino Unido acabou de anunciar a suspensão do apoio aos militares de Mianmar. Nossa pressão funciona! Agora, vamos elevar a discussão e pressionar a Itália, Alemanha, Áustria e outros a fazerem o mesmo. Ajude a acabar o massacre dos rohingya 


Quase ninguém tinha ouvido falar de Ruanda até que 800 mil pessoas foram mortas. Agora, em Mianmar, a comunidade Rohingya está sendo caçada por grupos de soldados sedentos por sangue.

É doentio. Eles estão decapitando até mesmo as crianças. 

Mas veja que loucura: o exército por trás desse massacre é apoiado por países como o Reino Unido, Alemanha e Itália! 

Os generais de Mianmar passaram anos construindo essas alianças. Vamos exigir que estes governos retirem seu apoio até que o massacre acabe. Quando nossa pressão for enorme, colocaremos anúncios na imprensa focados em líderes importantes antes de um grande encontro da cúpula de governos que acontecerá daqui a alguns dias!


Assinar a petição: https://secure.avaaz.org/campaign/po/rohingya_crackdown_share/?cQKsXdb

FONTE: AVAAZ
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
301