Sábado, 22 de setembro de 201822/9/2018
43 3037-1240
Parcialmente nublado
17º
20º
29º
Brasilia - DF
Erro ao processar!
Sorria Contra o Câncer
EMPREENDEDORISMO SOCIAL
Revista Veja reconhece o IPAM como um dos mais inovadores do país
A revista Veja acaba de lançar o prêmio “Veja-se”, que “busca valorizar as histórias inspiradoras de cidadãos excepcionais que, muitas vezes longe dos holofotes, se destacaram em 2017 como agentes de mudança na sociedade brasileira”.
Marcio Demari Londrina - PR
Postada em 30/11/2017 ás 01h22 - atualizada em 30/11/2017 ás 01h37
Revista Veja reconhece o IPAM como um dos mais inovadores do país

Entre os três selecionados na categoria Inovação está Ane Alencar, diretora de ciência do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia – IPAM, com mais de 20 anos de casa e pesquisadora reconhecida internacionalmente.

A revista Veja acaba de lançar o prêmio “Veja-se”, que “busca valorizar as histórias inspiradoras de cidadãos excepcionais que, muitas vezes longe dos holofotes, se destacaram em 2017 como agentes de mudança na sociedade brasileira”. Entre os três selecionados na categoria Inovação está Ane Alencar, diretora de ciência do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia – IPAM, com mais de 20 anos de casa e pesquisadora reconhecida internacionalmente.


Escolhida por um júri de notáveis que levou em conta critérios como impacto social, alcance e originalidade, Ane participa como líder da equipe que desenvolveu o aplicativo Alerta Clima Indígena, atualmente já usado por mais de 150 indígenas que, por ele, agora podem monitorar o impacto de focos de calor, desmatamento e risco de seca nas terras indígenas da Amazônia brasileira, além de outras funcionalidades. O aplicativo também venceu o prêmio Desafio de Impacto Social Google 2016.


A votação popular vai até dia 03 de dezembro e se somará com a escolha da Comissão Julgadora para definir os vencedores. O resultado final será divulgado em 12 de dezembro de 2017.


“Quase todos os jovens indígenas hoje têm Facebook, celular. Essa adesão à tecnologia nos permite engajá-los no processo de gestão territorial”, disse Ane para a Veja. Em 2017, o IPAM começou a buscar maneiras de expandir a plataforma e fazer com que os alertas dos povos indígenas cheguem diretamente aos órgãos responsáveis, como a Funai e o Ibama. “Sempre tive amor pelo meu país e pela Amazônia. Tudo o que fiz até hoje visou a melhorar a qualidade de vida dos meus conterrâneos amazônidas”, afirmou a pesquisadora, que é natural de Belém do Pará.


O app é um desdobramento do SOMAI – Sistema de Observação e Monitoramento da Amazônia Indígena, plataforma que dispõe das informações mais atuais sobre a situação das mais de 380 terras indígenas da Amazônia, a área conservada de floresta e as ameaças ambientais e antrópicas que sofrem.

FONTE: Amazônia – IPAM
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
615

Publicidade

Médicos Sem Fronteiras (MSF)
Facebook

Publicidade

TELETON 2017

Publicidade

Unicef Brasil
Mais lidas do mês

Publicidade

objetivos do desenvolvimento sustentável
Enquete
Voce já fez doação em dinheiro para alguma instituição, como?

Fez doação via Internet?
27 votos - 22.5%

Fez doação presencial?
19 votos - 15.8%

Fez doação comprando algum produto?
19 votos - 15.8%

Fez doação via postos de coleta?
19 votos - 15.8%

Fez doação via telefone?
18 votos - 15.0%

Fez doação via carnê?
18 votos - 15.0%