Quarta, 17 de janeiro de 201817/1/2018
43 3037-1240
Nublado
20º
20º
27º
Londrina - PR
Erro ao processar!
Sorria Contra o Câncer
INFÂNCIA E JUVENTUDE
Explosivos e minas terrestres são ameaças a 220 mil crianças na Ucrânia
Minas terrestres e explosivos ameaçam as vidas de 220 mil crianças no leste da Ucrânia, segundo um alerta do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef.
Marcio Demari Londrina - PR
Postada em 22/12/2017 ás 14h56
Explosivos e minas terrestres são ameaças a 220 mil crianças na Ucrânia

Foto: Unicef/Gilbertson VII

Minas terrestres e explosivos ameaçam as vidas de 220 mil crianças no leste da Ucrânia, segundo um alerta do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef.


A agência da ONU pede a todos os lados envolvidos no conflito para acabarem imediatamente com o uso de armas letais e permitirem o início dos trabalhos de desminagem.


Risco constante


A chefe das operações do Unicef na Ucrânia, Giovanna Barberis, declarou ser inaceitável que locais em que as crianças costumavam brincar em segurança estejam cheios de explosivos mortais.


Segundo ela, "todas as partes em conflito devem acabar com o uso dessas armas, que já contaminaram comunidades e colocam as crianças em risco constante de ferimentos e até de morte".


Educação


Na linha de contato, uma faixa de 500 km que divide as áreas controladas pelo governo e por forças não-governamentais, uma criança morreu por semana entre janeiro e novembro.


O Unicef explica que muitas vezes, as crianças perdem a vida ou ficam feridas ao colocar as mãos em granadas ou fuzis. A agência promove, desde 2015, programas para educar as pessoas sobre os riscos das minas terrestres, além de fornecer apoio psicossocial a 270 mil menores afetados pelo conflito.

FONTE: ONU
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
157