Segunda, 10 de dezembro de 201810/12/2018
Claro
18º
25º
27º
Sao Jose - SC
Erro ao processar!
Sorria Contra o Câncer
MEIO AMBIENTE
Índia aposta na iluminação de LED para diminuir emissões de gás carbônico
A Índia é o terceiro maior emissor de gases do efeito estufa, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e da China. Um dos grandes vilões no país é a matriz energética pouco sustentável e ainda muito dependente do carvão. Cerca de 70% das emissões da nação vem do setor de energia. Mas o gigante do Sul asiático tem empreendido esforços para reduzir sua pegada de carbono. Uma das frentes de atuação é o investimento em eficiência elétrica — o país quer ser o primeiro no mundo a suprir todas as suas necessidades de iluminação com o uso de LEDs.
Marcio Demari São José - SC
Postada em 06/01/2018 ás 23h21 - atualizada em 06/01/2018 ás 23h38
Índia aposta na iluminação de LED para diminuir emissões de gás carbônico

Mumbai à noite. Índia quer melhorar eficiência no consumo de energia para iluminação urbana e doméstica. Foto: Flickr (CC)/Ville Hyvönen

A Índia é o terceiro maior emissor de gases do efeito estufa, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e da China. Um dos grandes vilões no país é a matriz energética pouco sustentável e ainda muito dependente do carvão. Cerca de 70% das emissões da nação vem do setor de energia. Mas o gigante do Sul asiático tem empreendido esforços para reduzir sua pegada de carbono. Uma das frentes de atuação é o investimento em eficiência elétrica — o país quer ser o primeiro no mundo a suprir todas as suas necessidades de iluminação com o uso de LEDs.


Para ajudar a Índia a alcançar essa meta, o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (ONU Meio Ambiente) e parceiros desenvolvem a iniciativa Criando e Mantendo Mercados para a Eficiência em Energia, um projeto para avançar a pauta da sustentabilidade e fomentar inovações tecnológicas no setor de iluminação. O uso de LEDs pode reduzir de 50 a 70% o consumo de energia elétrica, na comparação com outras tecnologias.


O programa apoia a empresa público-privada Energy Efficiency Services Ltd, buscando expandir o mercado dos produtos de LED para iluminação urbana e doméstica. A parceria também fornece assistência técnica, auxiliando a companhia na criação e testagem de novos aparelhos e sistemas.


O crescimento do setor da corporação voltado para o LED deverá evitar, até 2022, a liberação do equivalente a mais de 7,5 milhões de toneladas de emissões de gás carbônico. O projeto da ONU Meio Ambiente é apoiado pelo Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF).


“Parcerias globais como essa acelerarão nossos esforços em mitigar as mudanças climáticas e dar a esperança de um futuro melhor para as próximas gerações”, afirmou o diretor da companhia, Saurabh Kumar.


A parceria com a ONU Meio Ambiente apoiará a Energy Efficiency Services Ltd a projetar ventiladores de teto energeticamente eficientes; sistemas elétricos que combinam geração de energia e usam o calor advindo da produção para alimentar outras máquinas, como aparelhos de refrigeração; e redes “inteligentes” de eletricidade, com capacidade de prever e controlar o volume consumido, além de gerenciar quedas de energia e detectar roubos.


“Todas essas tecnologias e modelos de negócios são novos, ainda não foram testados na Índia”, acrescenta Kumar. “Os subsídios do GEF serão usados para abrir esses mercados.”

FONTE: ONU Meio Ambiente
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
3.665

Publicidade

Médicos Sem Fronteiras (MSF)
Facebook

Publicidade

TELETON 2017

Publicidade

Unicef Brasil

Publicidade

objetivos do desenvolvimento sustentável
Enquete
Voce já fez doação em dinheiro para alguma instituição, como?

Fez doação via Internet?
28 votos - 23.0%

Fez doação comprando algum produto?
20 votos - 16.4%

Fez doação presencial?
19 votos - 15.6%

Fez doação via postos de coleta?
19 votos - 15.6%

Fez doação via telefone?
18 votos - 14.8%

Fez doação via carnê?
18 votos - 14.8%