Sábado, 15 de dezembro de 201815/12/2018
Muito nublado
23º
23º
30º
Sao Jose - SC
Erro ao processar!
Sorria Contra o Câncer
Artigos Terceiro Setor
Artigos Terceiro Setor

Artigos Voltados para o Terceiro Setor

PLANETA VOLUNTÁRIOS
Mapa da miséria, habitação, violência, educação e meio ambiente no planeta.
Mapa da miséria, habitação, violência, educação e meio ambiente no planeta.
Marcio Demari São José - SC
Postada em 09/10/2017 ás 21h11 - atualizada em 25/10/2017 ás 13h30
Mapa da miséria, habitação, violência, educação e meio ambiente no planeta.

Mapa da miséria, habitação, violência, educação e meio ambiente no planeta.

Assistimos todos os dias um índice crescente de aspectos sociais negativos, com sequelas e soluções de continuidade imensuráveis na saúde, educação e segurança pública.


Assistimos também o comodismo de muita gente que, acreditando ser invulnerável a todo e qualquer sinistro, esquivam-se de compartilhar, estão sempre com pressa, ignoram colaboração coletiva e omitem-se no próprio egoísmo. Lamentavelmente essas pessoas inertes ainda comungam aquela máxima de que: ?pago meus impostos e exijo meus direitos?. Está na hora de rever seus conceitos. Está na hora de ver o que se passa na sua rua e no seu bairro. Há muita atividade que poderia melhorar o convívio e a vida das pessoas se cada uma delas absorvesse o espírito do voluntariado. De uma simples ajuda a grandes mutirões se consegue resultados espetaculares e os beneficiados são para todos, sejam crianças, jovens e adultos.


Pobreza 
Entre 55 e 90 milhões de pessoas passarão à condição de pobreza extrema ainda neste ano, devido à recessão mundial resultante da crise financeira internacional.Mais de 1 Bilhão sofrerá de fome crônica no mundo todo.
Segundo pesquisas, 53,9 milhões de brasileiros são pobres; isso significa que quatro em cada dez brasileiros vivem em miséria absoluta. Entre as 130 Nações que medem a distribuição de renda, o Brasil é o penúltimo colocado; só ganha de Serra Leoa.equivale a 31,7% da população. 21,9 milhões dessa população são muito pobres, ou 12,9% dos brasileiros. FONTE: FAO


Água Potável
Globalmente, ao longo das últimas décadas, a quantidade de água potável disponível tem diminuído dramaticamente. Há 1,6 bilhão de Km³ de água no mundo, mas, o que podemos beber é menos de 1% disso... A poluição das águas mata hoje 2,2 milhões de pessoas por ano; mais de 75 % da reserva mundial de peixes é sobre-explorada; 
E o aumento no nível dos oceanos causado pelo aquecimento global pode deslocar dezenas de milhões de pessoas. Em 20 anos, mais de 60% da população mundial sofrerão com a escassez de água. Também segundo a ONU, na atualidade, mais de 1,1 bilhão de pessoas não têm acesso a água tratada. 
Fonte: ONU


Saneamento
Quatro em cada 10 pessoas no mundo não têm acesso nem a uma simples latrina de fossa não asséptica, e são obrigadas a defecar a céu aberto. Aproximadamente 2 em cada 10 pessoas ? mais de 1 bilhão de pessoas ? não têm nenhuma fonte de água potável segura. 
80% das internações hospitalares no mundo são devidas a doenças transmitidas pela água. Como consequência, 3.900 crianças morrem diariamente em razão desta crise humanitária, totalmente evitável, porém silenciosa. Fonte: OMS


Habitação
Atualmente, 900 milhões de pessoas vivem em assentamentos precários (favelas e áreas de risco) em todo o mundo. A menos que a situação mude substancialmente, 1,5 bilhão de moradores de zonas urbanas serão favelados em 2020,o equivalente à população da China.
O Brasil terá 55 milhões de favelados, o que seria equivalente a 25% da população do país. Atualmente, quase 1 bilhão de pessoas ? um sexto da população mundial ? vivem em favelas. Fonte: ONU


Educação
O Brasil tem atualmente cerca de 16 milhões de analfabetos, e metade desse número está concentrada em menos de 10% dos municípios do país. O planeta ainda conta com 780 milhões de analfabetos. 
No Brasil existem 16,295 milhões de pessoas incapazes de ler e escrever pelo menos um bilhete simples. Levando-se em conta o conceito de "analfabeto funcional", que inclui as pessoas com menos de quatro séries de estudo concluídas, o número salta para 33 milhões. Fonte: UNESCO


Trabalho Infantil
Cerca de 2,5 milhões de crianças, entre 5 e 16 anos, trabalham no Brasil, o que o coloca entre os países com os maiores índices de trabalho infantil. Cerca de 250 milhões de crianças no mundo trabalhando (entre os 5 e 14 anos), mas as estatísticas não são muito seguras, dado que boa parte da exploração é clandestina ou realizada em setores econômicos informais.
Na África, uma em cada três crianças é explorada e, na América Latina, uma em cada cinco. A situação em alguns países No Equador, país que encabeça o ranking de trabalho infantil no continente, onde 1 milhão e quinhentos mil menores trabalham nos bananais, fabricação de tijolos e outros. Fonte: OIT / UNICEF


Violência
Segundo a UNESCO, de 60 países analisados, em apenas 06 o número de homicídios é superior ao número de mortes por acidentes de trânsito.Dentre esses está o Brasil e mais três países da América Latina.
Em 49 desses países, o número de suicídios é superior ao número de homicídios; dentre as exceções está o Brasil e mais sete países da América Latina. A América Latina é a região onde mais ocorrem homicídios no planeta: 30 mortes para cada grupo de 100.000 pessoas ao ano, o triplo da média mundial.


Da população mundial, o Brasil responde por 11% de todos os homicídios do planeta. É o 2º país que mais mata utilizando armas de fogo, 3º em homicídios contra jovens e 4º colocado em homicídios no geral. O Brasil é o 3º mais violento da América Latina, perdendo somente para a Colômbia e Venezuela. Fonte: UNESCO


Desmatamento
Dados divulgados indicam que a Floresta Amazônica perdeu 754,3 quilômetros quadrados de florestas entre novembro de 2008 e janeiro de 2009. A área equivale a metade do município de São Paulo.
O país perdeu um campo de futebol a cada dez minutos na Amazônia, nos últimos 20 anos. O Brasil é campeão mundial de desmatamento. Em segundo lugar está a Indonésia: 18,7 km2 por ano e, em terceiro, segue o Sudão, com 5,9 km2. As principais causas pelo desmatamento na Amazônia são a retirada de madeira, o cultivo de soja e gado. Fonte: Greenpeace


Quando olha para o mundo nessa perspectiva, consegue perceber a real necessidade de solidariedade, compreensão e ajuda mútua?


Por Marcio Demari 
PLANETA VOLUNTÁRIOS 
Porque ajudar faz bem ! 
A maior Rede Social de Voluntários e ONGs do Brasil !!!

FONTE: Documentos internacionais, principalmente da ONU, UNICEF, OMS, FAO, OIT e UNAIDS, Greenpeace.
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
15.167
Marcio Demari
Marcio Demari

Presidente Fundador do Portal ANTS / Agência de notícias do Terceiro Setor

São José - SC
48 - 9 8834-8552
www.ants.net.br

Publicidade

Médicos Sem Fronteiras (MSF)
Facebook

Publicidade

TELETON 2017

Publicidade

Unicef Brasil

Publicidade

objetivos do desenvolvimento sustentável
Enquete
Voce já fez doação em dinheiro para alguma instituição, como?

Fez doação via Internet?
28 votos - 23.0%

Fez doação comprando algum produto?
20 votos - 16.4%

Fez doação presencial?
19 votos - 15.6%

Fez doação via postos de coleta?
19 votos - 15.6%

Fez doação via telefone?
18 votos - 14.8%

Fez doação via carnê?
18 votos - 14.8%